7 de outubro de 2012

INHOTIM: ARTE E NATUREZA EM UM MESMO ESPAÇO


Inhotim é um lugar em contínua transformação, onde a arte convive em relação única com a natureza. Situado em Brumadinho, a 60 km de Belo Horizonte (MG), Inhotim ocupa uma área de 100 ha de jardins botânicos com uma extensa coleção de espécies tropicais raras e um acervo artístico de relevância internacional. 

O museu a céu aberto foi apresentado pela primeira vez ao público em setembro de 2004 e, no ano seguinte, iniciou uma agenda de visitas para atender à rede escolar da região de Brumadinho e a grupos específicos. Em outubro de 2006, com estrutura completa para sua inauguração ao grande público, a instituição abriu as portas para visitas em dias regulares, sem a necessidade de agendamento prévio. 

Todas as atividades desenvolvidas no Inhotim são promovidas pelo Instituto Inhotim - uma entidade privada, sem fins lucrativos e qualificada pelo Governo Federal e pelo Governo do Estado de Minas Gerais como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip).

No acervo do Inhotim mais de 500 obras de 100 artistas de 30 nacionalidades diferentes.Pintura, escultura, desenho, fotografia, vídeo e instalações de renomados artistas brasileiros e internacionais são exibidos em galerias espalhadas pelo Jardim Botânico.

Nomes fundamentais da produção brasileira, como Cildo Meireles e Tunga, e destaques do panorama mundial, como Victor Grippo e Matthew Barney, foram parar no interior das Gerais.

No cenário, ainda há traços das curvas do projeto original de Burle Marx (1909- 1994), além de uma coleção botânica com mais de 2.100 espécies, que conserva trechos de mata nativaÁrvores, como um gigantesco tamboril, convivem com atrações como a "Magic Square # 5", criação de Hélio Oiticica (1937-1980).

Apesar de seu tamanho colossal, Inhotim não tem placas: cada visitante descobre sua maneira própria de aproveitar o lugar. Por ali já passou, por exemplo, uma excursão de freiras. "Ficamos impressionados. Elas se relacionaram muito bem com as obras", conta Maria Eugênia Repolês, 27, educadora pós-graduada na Escola Guignard (MG), que formou Amilcar de Castro (1920-2002).

Ao passar por uma instalação -um globo que em seu interior tem uma fonte de água iluminada por raios de luz estroboscópica-, as visitantes tomaram um "banho de arte". "As freiras brincaram e saíram molhadas", relata a funcionária.

Hoje o Inhotim é um dos principais museus a céu aberto do Brasil e do Mundo, atraindo turistas de várias partes do planeta, devido seu aspecto futurista e arrojado.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------
ONDE: Inhotim fica a 60 km de Belo Horizonte, no município de Brumadinho

PARA QUEM: Famílias, apreciadores de arte e amantes da natureza. Oferece visitas orientadas

ONDE SABER MAIS: A programação e a previsão do tempo do local estão em www.inhotim.org.br
------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Fonte: www.portaldebrumadinho.com.br

Um comentário: