23 de maio de 2012

O TURISMO NO BRASIL PRECISA DE MAIS!


Em 2003, no primeiro ano de governo do ex-presidente Lula, foi criado o Ministério do Turismo. A criação de um ministério específico para a área foi de fundamental importância para o desenvolvimento e elaboração de estratégias para a atividade turística no Brasil.

Mesmo com a elaboração do Plano Nacional de Turismo I e II, com a atração de investimentos junto a bancos internacionais, dos grandes eventos esportivos que acontecerão nos próximos anos, diversificação das atividades ligadas ao setor, o turismo no país ainda caminha a passos muito lentos.

Primeiramente, a escolha dos ministros é puramente política, obedecendo a uma lógica de alocação de políticos e partidos aliados ao governo. Nunca houve e pelas perspectivas, demorará muito tempo para termos um ministro turismólogo, formado e conhecedor do setor público e privado. Isso também ocorre da mesma forma nas secretarias estaduais e municipais de turismo, quando há essas secretarias.

MINISTROS DO TURISMO

> Walfrido dos Mares Guia (2003 a 2007);
> Marta Suplicy (2007 a 2008);
> Luiz Barreto Filho (2008 a 2010);
> Pedro Novais (2011);
> Gastão Vieira (Ministro atual).

Fonte: Ministério do Turismo.

Segundo, feito a escolha do ministro, boa parte deles não conseguem desenvolver um trabalho integrador nas regiões, tendo em alguns deles um visão tradicional e arcaica do turismo. Hoje, a atividade é muito dinâmica, ela se processa de maneira muito ágil entre as localidades receptivas (comunidade, poder privado) e os visitantes, tendo os planejadores e gestores terem na mesma proporção essa dinâmica da realidade.

Um dos empecilhos do fortalecimento da atividade é a fraca infra-estutura do país, não permitindo muitas vezes o turista chegar e pernoitar no local do atrativo. Outra, é a falta de capacitação para os serviços de informações turísticas, da hotelaria, de agências de viagens, bares e restaurantes, planejamento e gestão do turismo.

Com todos esses desequilíbrios, dessa falta de infra-estrutura o turismo no Brasil ainda gera importantes receitas para economia, tem importante papel de divulgação do país no exterior e ainda conta com programas de incentivos para viagens. Mais é bom ressaltar, o turismo no Brasil precisa de mais.

Um comentário: